O Amor tem sido desde todo o sempre o mistério mais bem guardado e procurado por todos.

Entende-se hoje que há muitos tipos de Amor, e de facto há tantas maneiras de amar quantas facetas poderá ter o Amor. Falo-vos do Amor individual, do Amor paternal e familiar, falo-vos da Amizade, da Compaixão, do Perdão, da Generosidade, da Compreensão, etc., de infinitas possibilidades de manifestações do Amor e da sua verdadeira essência.

Mas a verdadeira essência do Amor Incondicional é muito mais que tudo o que até agora foi descrito e consagrado em meras palavras, o verdadeiro sentido do Amor está no Sentir. Não nos breves momentos de euforia e de felicidade, porque muito mais que uma emoção ou sentimento, o Amor é uma energia, mais especificamente, o Amor é a Energia Original e criadora do Universo.

O Amor Incondicional é o mais puro estado do Ser. Faz parte de todos nós, de tudo o que existe, de tudo o que já existiu e tudo o que irá existir. Cada um de nós, cada ser vivo é uma manifestação do Amor. E é exatamente essa essência do Ser que tanto procuramos na nossa intemporal busca religiosa, espiritual, filosófica e existencialista. Quem somos? Somos uma manifestação física do Amor. De onde vimos e para onde vamos? Para o estado mais puro, energeticamente falando, na sua frequência mais elevada: o Amor Universal. O que fazemos? Experienciar e compreender conscientemente o Amor nas suas infinitas formas e manifestações possíveis e imagináveis.

Eli de Lemos

Anúncios